Homem é condenado a 7 meses de prisão por tentar enforcar ex-companheira no interior do Acre

A Justiça do Acre condenou um homem a sete meses de prisão em regime aberto por violência doméstica. O acusado invadiu a casa da ex-companheira, em Plácido de Castro, interior do Acre, e tentou enforcá-la. O texto da condenação foi publicado no Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) nesta quinta-feira (16).

Ainda segundo a Justiça, o crime ocorreu após o fim do relacionamento de quatro meses do casal. As agressões ocorreram em março de 2017.

Ao G1, a advogada do acusado, Larissa Leal informou que vai recorrer da decisão. Segundo ela, não houve agressão, mas apenas uma discussão entre o casal.

“Pedi a que ele fosse absolvido e vou sim recorrer, com certeza. Ele não assume a autoria. Houve uma discussão, mas não tentou enforcar ela, nenhuma agressão à ela”, destacou.

Na denúncia do Ministério Público do Acre (MP-AC), a Justiça diz que o acusado avançou para cima da vítima após invadir a casa dela.

Para a juíza do caso, Isabelle Sacramento, o homem tinha consciência dos atos, quando agrediu a vítima. As agressões deixaram escoriações na mulher, o que foi comprovado no exame de corpo de delito.

 

Fonte: https://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2018/08/17/homem-e-condenado-a-7-meses-de-prisao-por-tentar-enforcar-ex-companheira-no-interior-do-acre.ghtml